tente outra cor:
tente outro tamanho de fonte: 60% 70% 80% 90%

Implemente sistemas de políticas (policies) de segurança no Samba

Quando você cria sua rede de dados, especialmente com estações de trabalhos baseados na plataforma Windows, é muito importante habilitar controles para cada computador e usuário conectado na sua rede.

Quais configurações podem ser mudadas, quais programas poderão ser rodados, como cada estação é apresentada para o usuário; tudo isso é de extrema importância para manter o controle de sua rede. Esse tipo de controle é tão importante do ponto de vista de segurança, como da perspectiva da usabilidade.

Com o intuito de fornecer essa funcionalidade nas redes baseadas na plataforma Windows, a Microsoft acrescentou a possibilidade de ajustar algumas configurações através do sistema de policies. Essas políticas permite você executar certas restrições para as estações de trabalho que os usuários e grupos de usuários serão obrigados a utilizar. Resumindo , Policies são simplesmente obrigatoriedades das configurações de registro para cada estação e usuário da sua rede.

Microsoft Windows Policies foi implementado pela primeira vez a partir do Windows 95 e teve pequenas mudanças desde seu início. Essas políticas foram criadas com uma ferramenta chamada System Policy Editor (editor de sistema de políticas) e eram carregadas a partir do controlador de domínio toda vez que o usuário se logava dentro da sua rede de trabalho. Desde então, a Microsoft incorporou as policies dentro do serviço de Active Directory e renomeado como Group Policy Objects (GPO). Quando isso aconteceu a maior mudança entre Group Policy Object e System Policies, é que as GPOs não são aplicadas apenas no perfil do usuário, mas trabalha o tempo todo ao lado dele. Isso significa que os GPOs não "tatuam" o perfil do usuário com a configuração do registro. Em outras palavras, se você remover uma política com GPOs, essa política já não esta mais em vigor, com System Policies, você deve desfazer a política para eliminar totalmente das atuais políticas do usuário. Entretanto, com a correta aplicação das políticas, esse efeito de "tatuagem" do perfil do usuário torna-se mínima.

Atualmente o Samba, Servidor de Arquivos Open Source,  não implementa a funcionalidade do Active Directory quando é usado como controlador de domínio primário (PDC). Agora se você utiliza o samba como PDC, e queira utilizar do sistema de políticas, você pode utilizar do SPE como alternativa. Sabemos que o SPE é a versão antiga da Microsoft, mas como dissemos se sua política for planejada de forma correta, você atingirá seus objetivos com muita tranquilidade.

Concluindo, se você precisa aumentar a segurança e produtividade dos seus usuarios na rede, você implantando essas policies, você poderá  definir quais configurações dos computadores poderâo ser mudados, quais programas poderão ser executados, quais ícones são apresentados na área de trabalho do usuário, entre outras funcionalidades.

Nossa solução inclui:

  • Instalação;
  • Primeiros passos;
  • Treinamento;
  • Documentação;
  • Suporte Técnico de 30 dias.

Entre em contato conosco, clicando aqui para saber mais detalhes